O Página 150 é uma introdução à resenha final do livro. Algo propositalmente superficial, que trará comentários sobre o livro num todo, sem grandes explicações sobre os detalhes da história. 

Hoje vou falar um pouco sobre o livro, A Rosa e o Dragão, da autora parceira, Vanessa Pereira.



Logo em seu início, A Rosa e o Dragão nos apresenta sua protagonista, Desirée, e o misterioso Andrew.
O casal se encontra em um parque, em meio à madrugada. Desirée está passeando, alheia ao horário, quando encontra Andrew observando o lago. Os dois trocam poucas palavras e Andrew, que se mostra um homem encantador, se oferece para levá-la para casa. Sem saber o motivo pelo qual sente-se totalmente atraída por ele, Desirée aceita a companhia. Antes que se despeçam, Andrew a convida para sair naquela mesma noite, convite que a garota não consegue recusar.

A trama se desenrola rapidamente. Até a página 150, muitas e muitas coisas já aconteceram.
Andrew revela que é um vampiro e está apenas de passagem pela cidade. E desmiolada Desirée decide ir embora com ele, deixando tudo e todos pra trás. Mas para que eles possam ficar juntos, Desirée terá que ser transformada. E esta é exatamente a sua escolha.

Após chegar ao Clã dos Valos, grupo ao qual Andrew pertence, somos apresentados a diversos novos personagens e a história da uma reviravolta total. 

Ainda não tenho uma opinião totalmente formada a respeito de Desirée. Por enquanto, o livro revela mais sobre seus dias do que sobre sua personalidade. Mas posso dizer que achei a personagem um pouco precipitada, tomando decisões tão importantes sem ao menos pensar nas consequências que isso lhe trará.



A primeira e a última frase da página 150 são, respectivamente:

Pietro olhou para mim, tocou a ponta do meu cabelo.
e
Fui até o guarda-roupa e escolhi uma peça.

O melhor quote até agora foi:

Entrei, deixando a porta aberta atrás de mim. Coloquei minha carteira sobre a mesinha ao lado da porta e voltei para vê-lo, mas ele não estava mais lá. A rua estava totalmente deserta.


Fotos do Livro
(Clique nas imagens para ampliá-las)


Capa e contracapa perfeitamente perfeitas. O livro é realmente muito bonito.



Não quero ser acusada de cometer bullying, mas esse livro é bem orelhudo. Tanto que tive que segurá-lo pra tirar a foto porque ele estava tentado a tombar para o lado. rsrs



Lombada



Com exceção da página que inicia o capítulo, os números das páginas da direita vêm acompanhados de uma pequena rosa e também do número do capítulo. Gostei disso. :)




Os números das páginas da esquerda vêm acompanhados de um dragãozinho. Own.



As pausas dentro dos capítulos também trazem uma rosa.




Marca páginas e folha de rosto.



Por enquanto é só. 
Aguarde pois em breve teremos a resenha desta movimentada e misteriosa história entre vampiros e humanos juntamente com o sorteio do livro autografado pela autora.

Gostou deste Página 150? Então confira os anteriores:



Beijoo!
Lu



Artigos relacionados:




Quote da Semana

"Somos todos estranhos de um jeito diferente, e isso é normal. E mesmo que exista muita coisa que eu não possa dizer para eles, é bom me sentir parte de um grupo." (Cartas de Amor aos Mortos - Ava Dellaira)

2 comentários:

  1. Oi Luciana, tudo bem??

    Várias vezes vi esse livro em promoção na Saraiva e fiquei com vontade de comprar, mas nunca tinha procurado saber mais sobre ele. Na verdade, quis mais pela capa, que é perfeita!!

    Gostei das suas primeiras impressões do livro e aguardarei a resenha!! Adorei os detalhes do livro e esse marcador é lindo!!

    Beijinhos,

    Rafaella Lima
    http://vamosfalarlivros.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi, Lu!
    A premissa do livro não faz muito meu estilo (você deve ter percebido como sou depois do meu post especial do dia dos namorados!) mas ganhou pontos só por causa do dragãozinho nas páginas com numeração a esquerda!
    E essa capa é muito bonita, que que é isso, cara!
    =D

    http://osdragoesdefogo.blogspot.com/

    ResponderExcluir

Obrigada pela visita! Não deixe de comentar...

Topo